25 de julho de 2012

Descobertas improváveis

Em férias, num escaparate de uma tabacaria em Tavira, entre literatura light diversa, encontrei isto:


Que, como já se sabe, é leitura muito recomendada cá na casa (se houver algum leitor de ficção científica na cidade interessado, é ir à Praça Velha).

5 comentários:

Rony disse...

Obrigada pela dica! Nunca me lembraria de tal lugar para comprar FC, lol

Thanatos disse...

De facto Hyperion é uma obra prima. Apesar disso nos últimos tempos tenho dado por mim a pensar mais e mais no díptico Ilium/Olympos dele. Embora tenha graves falhas de enredo consegue recuperar alguma da dimensão de que Hyperion Cantos se afastou nos dois últimos romances.

João Campos disse...

Rony, aproveita que é excelente.

João Campos disse...

Rony, aproveita que é excelente.

Rony disse...

Ok, estou convencida, já o tinha posto na lista "a ler", agora passou para primeiro lugar, é só terminar o que tenho entre mãos e começo!